Segunda-feira, 14 de outubro de 2019
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Mulheres

Mulheres são maioria na área da Ciência, revela pesquisa

Postado em: 09-09-2019 às 19h03
Apesar das mulheres constituírem mais da metade das vagas em graduação e pós-graduação no ramo, apenas 23% compõe cargos de liderança

Da Redação

Desigualdade de gênero ainda é um assunto recorrente aos dias atuais, principalmente quando a comparação chega aos cargos de chefia e diferenças salariais. Uma pesquisa publicada recentemente no Cell Steam Cell constatou que as mulheres são maioria na área da ciência, mas apenas 23% ocupam cargos de influência.

O estudo analisou, por quatro anos, a presença feminina nas carreiras de tecnologia, ciência, engenharia e matemática, conjunto conhecido como STEM, em inglês. Foram avaliadas 541 instituições de ensino de 38 países da América do Norte e Europa. 

O resultado foi que apesar das mulheres estarem inseridas no ramo, existem poucos esforços das faculdades e universidades em manter ou promover cientistas em cargos de liderança. Apesar delas constituírem mais da metade da população discente de graduação e pós-graduação, só 42% dos professores assistentes, 34% dos professores associados e 23% dos professores titulares são do sexo feminino.

De acordo com os pesquisadores, mais em um terço dos institutos analisados as mulheres compõem menos de 10% do corpo docente. O problema de acordo com a oncologista da Universidade de Michigan, Reshma Jagsi, não está apenas nas equipes de professores das universidades, mas na falta de representatividade: " há bastante espaço para melhorias em certas áreas, incluindo a representação de mulheres em determinadas funções, como falar em reuniões científicas", explica.

 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar