Segunda-feira, 14 de outubro de 2019
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Esporte

Líder do returno, Goiás enfrenta o Botafogo, o lanterna

Postado em: 09-10-2019 às 11h33
Desde que assumiu o capacete como amuleto, Tadeu não sofreu gols - Foto: Rosiron Rodrigues/Goiás EC

Felipe André

A única equipe 100% no segundo turno visita a única equipe 0% no segundo turno. Se levar em consideração apenas as quatro últimas rodadas a partida entre Goiás e Botafogo, hoje às 19h15 (horário de Brasília), no Estádio Nilton Santos, já tem um claro favorito, mas dentro de campo a situação não é tão simples assim.

As quatro vitórias do Goiás no segundo turno, contra Fluminense, São Paulo, Cruzeiro e Ceará embalaram a torcida que já sonha com um retorno a Libertadores, que não acontece desde 2006. Além dos triunfos, o goleiro Tadeu assumiu o “capacete” como amuleto e desde então não sofreu nenhum gol.

“Não posso prometer [Libertadores] porque o nosso objetivo ainda é de recuperação. O Goiás já esteve numa posição melhor neste campeonato. Nosso trabalho é com os pés no chão, respeitando os adversários. Não cabe a nossa equipe pensar em Libertadores ainda. Vamos torcer muito para Flamengo ou Grêmio ganharem a Libertadores, para abrir mais uma vaga, mas o nosso trabalho é de recuperação”, afirmou o treinador Ney Franco.

O Goiás não terá nenhum desfalque para essa partida e nem deve mudar sua equipe titular. A base será a mesma que venceu nas últimas rodadas. Após a vitória sobre o Ceará no último domingo, a equipe embarcou direto para o Rio de Janeiro.

Ao longo da história de confrontos, que teve seu primeiro capitulo escrito em 1974, Goiás e Botafogo já se enfrentam em 39 ocasiões. O clube goiano acumula 20 vitórias, contra 12 da equipe carioca e sete empates finalizam a lista. Pelo primeiro turno a vitória foi Esmeraldina, quando Kayke marcou o único gol do jogo, no Serra Dourada.

Botafogo

Sem ainda oficializar um substituto para Barroca, que foi demitido após a derrota para o Fluminense, o Botafogo vai ter o auxiliar técnico Bruno Lazaroni, de 39 anos, como comandante nesta partida. A diretoria do clube carioca segue em busca de um nome e trabalha com três opções: Alberto Valentim, Jair Ventura e Enderson Moreira, com vantagem para o primeiro nome.

O clube carioca perdeu quatro jogadores para esta partida. O zagueiro Carli e o lateral Gilson vão cumprir suspensão após receber o terceiro cartão amarelo no clássico contra o Fluminense. Além deles, o Glorioso não poderá contar com o goleiro Gatito Fernández e com o lateral-direito Marcinho, que vão servir a seleção paraguaia e a brasileira respectivamente na data Fifa. Outro desfalque é o meia Alex Santana, já fora há algum tempo por conta de lesão.

FICHA TÉCNICA
Botafogo x Goiás

Data: 9 de outubro, 2019
Horário: 19h15 (horário de Brasília)
Local: Estádio Nilton Santos, Rio de Janeiro-RJ

Árbitro: Rodrigo D'alonso Ferreira (SC)
Assistentes: Helton Nunes (SC) e Éder Alexandre (SC)

Botafogo: Diego Cavalieri; Fernando, Marcelo Benevenuto, Gabriel e Lucas Barros; Cícero, Gustavo Bochecha, João Paulo e Diego Souza; Luiz Fernando e Vinicius Tanque. Técnico: Bruno Lazaroni

Goiás: Tadeu; Yago Rocha, Rafael Vaz, Fábio Sanches e Jefferson; Gilberto Jr, Yago Felipe e Léo Sena; Leandro Barcia, Michael e Rafael Moura. Técnico: Ney Franco

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar