Segunda-feira, 14 de outubro de 2019
GOIÂNIA-GO
{{tempo.temperatura}}°

Cidades

Vazão do Meia Ponte entra em alerta

Postado em: 11-07-2019 às 07h15
MP solicita que Saneago adote ações de racionamento de água. Foto: Secima/Divulgação

Aline Bouhid

A bacia do Rio Meia Ponte, que abastece quase 50% da população do Estado, está em nível de alerta. Medição foi feita pela Saneago que identificou a vazão de 4.885 litros por segundo. Situação preocupa o Comitê de Bacia do Meia Ponte e o presidente da entidade, Fábio Camargo, alerta que é hora de conscientizar a população sobre a necessidade de economizar água e que também é preciso intensificar a fiscalização. 

“Ainda está no nível de alerta, mas quando chegar a 4.300 litros por segundo por mais de uma semana vai entrar no (estágio) crítico. Nessa hora o estado tem que intensificar a fiscalização de captação irregular e anúncios explicando para a população que é preciso economizar água”, disse Fábio. Diante do quadro, o Ministério Público de Goiás (MP-GO) solicitou que a Saneago comece a adotar as ações de racionamento de água quando a vazão chegar a 3300 litros por segundo. O normal, nesses casos, é iniciar o processo quando a vazão está em 2.200 litros

Entre as medidas de economia de água feitas pela Saneago, o racionamento é a última a ser adotada. Fábio afirmou que antes dela, é possível tomar iniciativas como tirar a pressão das bombas de abastecimento e manejar sistemas, enchendo as caixas de água das regiões de forma alternadas.

* Com informações de TV Anhanguera. 

Seja o primeiro a comentar

Fazer comentário

Acesse sua conta para comentar, é rápido e gratuito.

Inscreva-se na newsletter e receba

conteúdo exclusivo

Digite aqui o que deseja pesquisar